Publicador de conteúdo Publicador de conteúdo

Retornar para página inteira
Voltar

Corregedoria-geral implanta projeto-piloto de ponto eletrônico


Corregedoria-geral implanta projeto-piloto de ponto eletrônico
A escolha desse controle de frequência justifica-se em razão da facilidade de implantação e do baixo custo financeiro
Qui, 01 Jun 2017 12:12:48 -0300

Com a finalidade de dar cumprimento à Meta 1 fixada pela atual gestão da Corregedoria-Geral da Justiça – biênio 2017/2018, o Desembargador Rogério Kanayama, Corregedor-Geral da Justiça, determinou a implantação do sistema de registro eletrônico de presença e horário.

O objetivo é a aferição real e transparente da assiduidade e pontualidade dos servidores da Corregedoria-Geral da Justiça, as quais são reconhecidas como deveres dos funcionários do Poder Judiciário nos termos do art. 156 da Lei n.° 16.024/2008 e, consequentemente, como condições preliminares para a valorização do desempenho no ambiente de trabalho.

A escolha da referida modalidade de controle de frequência justifica-se em razão da facilidade de implantação e do baixo custo financeiro para o Poder Judiciário. Tais vantagens decorrem do fato de que o Sistema a ser implantado foi desenvolvido pelo Departamento de Tecnologia da Informação e Comunicação (DTIC), que utiliza a plataforma há quase 10 anos.

Finalmente, cumpre ressaltar que o projeto-piloto entra em vigor nesta quinta-feira (1/6), conforme a Ordem de Serviço n.° 42/2017, e não obsta os estudos realizados pela Presidência deste Tribunal acerca do ponto biométrico, cuja eventual implantação alcançará todo o Poder Judiciário.

Texto: Corregedoria-Geral da Justiça