Destaques Destaques

Voltar

CEVID do TJPR promove 12ª Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa


CEVID do TJPR promove 12ª Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa
A campanha é proposta pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em parceria com tribunais estaduais, e ocorre três vezes ao ano
Sex, 30 Nov 2018 15:11:53 -0200

A Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar (CEVID) está promovendo as atividades da 12ª Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa desde a última segunda-feira (26/11), data em que a campanha foi oficialmente iniciada durante a sessão do Órgão Especial no Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR).

A campanha é promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em parceria com tribunais estaduais, e ocorre três vezes ao ano. Nesta edição, que será realizada até esta sexta-feira (30/11), a CEVID programou diversas atividades no âmbito da campanha, que têm o objetivo de promover o combate à violência doméstica e familiar contra a mulher, por meio de ações interdisciplinares, palestras, cursos e atividades educativas.

Entenda como funcionam as medidas protetivas de urgência

Um dos focos da Campanha é a divulgação de materiais informativos sobre a temática da violência contra a mulher. Para garantir a efetividade nas ações de comunicação, a CEVID produziu e distribuiu materiais direcionados a vítimas e agressores para distribuição nas Comarcas.

Diversas atividades já estão sendo realizadas no Paraná desde a semana passada. No dia 20 de novembro, a CEVID participou da 4ª Feira da Cidadania de Irati, organizada pelo Conselho da Comunidade local. Na ocasião, a Desembargadora Lenice Bodstein, Coordenadora da CEVID, promoveu uma palestra durante o evento “Ação e cidadania para a prevenção da violência doméstica contra a mulher”.

Na sexta-feira (23/11) a Coordenadoria também organizou, em parceria com o Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Foz do Iguaçu, o evento de abertura da Campanha na Comarca, com o tema: “Conhecendo a rede de proteção à mulher” no Colégio Estadual Ayrton Senna da Silva, em Foz do Iguaçu. Na oportunidade houve a inauguração do Espaço Mulher e entrega de viatura, doada pelo Governo do Estado, para utilização pela Patrulha Maria da Penha.

Justiça pela Paz em Casa

Na segunda-feira (26/11), às 9 h, a Juíza Paola Gonçalves Mancini, da 2ª Vara Criminal de Guarapuava, concedeu uma entrevista ao Programa Justiça Para Todos, da Associação dos Magistrados do Paraná (AMAPAR), sobre a questão do enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher. Durante a Semana Pela Paz em Casa também está sendo realizada a distribuição de materiais informativos. O material produzido pela CEVID está sendo distribuído à população de Curitiba na unidade móvel conhecida como “Ônibus Lilás”. Na segunda a iniciativa tem início na Rua da Cidadania do bairro Fazendinha.

Na manhã de terça-feira (27/11) o Programa Justiça Para Todos recebeu a Juíza Cintia Graeff de Luca, da 1ª Vara Criminal de Paranaguá. Às 14 h, a Psicóloga Maisa Schneider, servidora da CEVID, concedeu entrevista na Associação de Radiodifusão do Paraná, com o objetivo de sensibilizar os ouvintes para a temática da Campanha. Cerca de 200 emissoras de rádio, com alcance em áreas urbanas e rurais de todo o Paraná, participaram da transmissão. Na terça o Ônibus Lilás distribuiu material informativo na Rua da Cidadania Santa Felicidade.

Neste mesmo dia, houve uma reunião na Secretaria do TJPR entre a Polícia Militar, Polícia Civil, Celepar, Poder Judiciário e Ministério Público, para apresentação do trabalho que realizado durante o segundo semestre de 2018. A objetivo é promover a integração dos sistemas desses entes, a fim de unificar os dados sobre feminicídio no Paraná. Estava também presente a Conselheira do CNJ Maria Tereza Uille Gomes, autora da proposta.

Na quarta-feira (26/11) o Juiz Marcos Antônio da Cunha Araújo, da 1ª Vara Criminal de Almirante Tamandaré, participou do programa de rádio da AMAPAR. Nesse dia o Ônibus Lilás distribuiu material informativo na Rua da Cidadania Carmo/Boqueirão. Na quinta-feira (29/11) o Programa Justiça para Todos recebeu a Juíza Alessandra Pimentel Munhoz do Amaral, do Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Ponta Grossa. Também ocorrerá a distribuição de material informativo na Rua da Cidadania do Cajuru.

Por fim, nesta sexta-feira o Juiz Rodrigo Domingos de Mais, da 1ª Vara Criminal de Paranavaí, irá conceder uma entrevista no programa de rádio da AMAPAR. Durante toda a semana também estão previstas audiências em diversas Comarcas relacionadas à Lei nº 11.340/2006 (Lei Maria da Penha). A CEVID também está promovendo uma ampla divulgação nas redes sociais (Instagram e Facebook), com materiais informativos sobre a temática.