Notícias Notícias

Voltar

TJPR promove ações ambientais em comarcas do interior


TJPR PROMOVE AÇÕES AMBIENTAIS EM COMARCAS DO INTERIOR

Iniciativas estão atreladas ao Rolê Ambiental, que incentiva ações de sustentabilidade em todo o estado

Um dos pilares da atual gestão do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR), a conscientização sobre a importância da sustentabilidade e do meio ambiente, é disseminada por todo Judiciário paranaense em suas mais diversas comarcas por meio do plantio de mudas. Iniciativas nesse escopo estão atreladas ao Rolê Ambiental, que, além do reflorestamento, também prevê ações contínuas nas Unidades de Conservação do Estado, como parques e bosques. 

O Fórum de Ortigueira implantou, nessa quarta-feira (4/8), o "Bosque da Justiça Cidadã", projeto idealizado pelo presidente da Corte paranaense, desembargador José Laurindo de Souza Netto, de plantio de mudas de árvores nas comarcas do Paraná. Diversas mudas de árvores foram plantadas no espaço externo do fórum. 

O evento contou com a participação de autoridades do Judiciário local, da Prefeitura do município, além de servidores(as) municipais e colaboradores(as) da Justiça. 

Outra ação foi realizada em julho deste ano, na comarca de Ribeirão Claro, no norte do Paraná, e promoveu o plantio de mais de 250 mudas de flores. A flor escolhida foi amor-perfeito, disponível em mais de sete cores naturais, e embelezou o Fórum de Ribeirão Claro.  

Além de prezar pela sustentabilidade e conscientizar a respeito do cuidado com a natureza, a ação reuniu a comunidade forense. "Foi muito mais do que uma ação de conscientização ambiental, foi um momento de integração entre toda a equipe de trabalho e nossos filhos e familiares, que auxiliaram na tarefa", conta a magistrada Dra. Tatiana Monteiro Furtado de Mendonça, diretora do Fórum. 

  

Rolê Ambiental  

O projeto Rolê Ambiental foi lançado em junho de 2021, com a inauguração do Bosque dos Desembargadores. Na data, foi assinado um acordo de cooperação entre o Governo do Estado do Paraná, o TJPR e a Prefeitura Municipal de Curitiba.  O documento tem como objetivo difundir e aprimorar o desenvolvimento do projeto Rolê Ambiental, bem como contribuir para a disseminação de conhecimentos sobre as relações entre os seres vivos e o meio ambiente. O programa visa, também, incentivar os cidadãos a preservarem o meio ambiente para a sua geração e para as futuras.  

Como forma de incentivar o reflorestamento e a preservação ambiental, o TJPR reservou uma área no Centro Judiciário de Curitiba para a implementação do Bosque dos Desembargadores. No local, cada desembargador e autoridades convidadas plantaram uma espécie nativa do Paraná.